Segunda linhagem será lançada ainda em 2020 e chegará ao Brasil em 2021

Depois de apresentada a nova geração da variante Sportback, a Audi se programa agora para apresentar ao público o renovado A3 Sedan. Assim como o irmão mais curto, o modelo será completamente renovado e passará a ter um design alinhado com as mais recentes tendências da marca. O pacote tecnológico também promete evoluir, especialmente por meio da chegada de opções eletrificadas e de novos recursos de assistência à condução - tudo para marcar posição no segmento que, apesar praticamente inaugurado pelo A3 Sedan, hoje conta com nomes de peso como Mercedes-Benz Classe A Sedan e BMW Série 2 Gran Coupé.

Galeria: Novo Audi A3 Sedan 2021 - Projeção

Por fora, o design considerado evolutivo terá linhas mais agressivas e vincos mais marcantes. Assim como no A3 Sportback, a chegada do sistema LED-Matrix ao conjunto de faróis é esperada, ainda que como opcional. Na traseira, serão mantidas as lanternas duplas que invadem a tampa do porta-malas, porém com lentes mais refinadas e desenho mais delgado. 

Mecanicamente, o destaque ficará por conta da plataforma MQB-Evo, a mesma da nova geração do Volkswagen Golf. A nova arquitetura proporcionará a chegada de tecnologias eletrificadas, incluindo um sistema híbrido-leve de 48V com gerador elétrico acionado por correia, que será acoplado ao motor 1.5 TFSI junto a uma pequena bateria de íon-lítio. Motores TFSI 1.0 e 2.0 também serão adotados.

O lançamento no exterior é aguardado ainda para este ano, embora a data exata ainda não tenha sido revelada. Apostas se concentram no Salão de Nova York, no mês que vem, e no Salão de Paris, marcado para outubro. O lançamento no Brasil é aguardado para 2021.

Fonte: Kleber Silva