Projetado no Brasil, SUV com pegada cupê será produzido também na Europa

Principal lançamento da Volkswagen este ano, o Nivus ganhou uma grande importância global. Prova disso é esta projeção vinda da Rússia, do pessoal do Kolesa.ru. Projetado no Brasil, o SUV coupé será produzido na Europa em 2021 e exportado para diversos mercados, seja proveniente da Espanha, seja de São Bernardo do Campo (SP). 

O novo Volkswagen Nivus ficará posicionado abaixo do T-Cross. Apesar de usar a mesma plataforma MQB-A0, terá entre-eixos semelhante ao do Polo (2.565 mm) - o T-Cross usa a base do Virtus, com 2.651 mm) - e visual coupé, algo inédito nesta faixa de preços mais baixa. Falando em valores, ele deverá ficar na faixa dos R$ 75 mil a R$ 90 mil, justamente abaixo do T-Cross e suas respectivas versões. 

Apesar do entre-eixos do Polo, o Nivus terá porta-malas consideravelmente maior. Mesmo com a pegada mais esportiva da carroceria, ainda se destinará para o público dos SUVs compactos, como o Nissan Kicks. Por dentro, estreará a nova central multimídia, com hardware e software desenvolvidos no Brasil e de operação mais simples e intuitiva, esta também destinada ao público exterior. 

Projeção - VW Nivus

O Nivus deverá carregar diversos equipamentos do Polo, inclusive o painel totalmente digital nas versões mais caras e, do T-Cross, faróis full-LED como opcionais - este item já foi visto em protótipos camuflados. 

Em motores, será equipado exclusivamente com o 1.0 TSI e câmbio de 6 marchas, seja manual ou automático. Uma novidade é que, enquanto o modelo automático virá com o motor de 128 cv, o manual deve estrear uma versão mais mansa do propulsor, com mudanças no turbo para render 116 cv. A tração será sempre dianteira em todos os casos. O lançamento acontece no segundo trimestre deste ano e deverá despontar como um dos principais do ano. 

Galeria: Volkswagen Nivus 2020