Crossover compacto de entrada terá motores turbo 1.3 e 2.0

Dezenas de fotos feitas por nossos espiões já adiantaram muito sobre o Mercedes-Benz GLA, mas agora não teremos que esperar muito mais para conhecer a segunda geração do crossover compacto. A fabricante colocou no ar uma página com uma contagem regressiva para a apresentação do carro, marcada para o dia 11 de dezembro, em Stuttgart (Alemanha).

2021 Mercedes-AMG GLA 45 new spy photos

Enquanto a apresentação irá acabar com os mistérios sobre o design do novo Mercedes-Benz GLA, a fabricante alemã deve deixar para divulgar os dados de performance, equipamentos e preços para outro momento, próximo do lançamento comercial do veículo. Ainda assim, já sabemos muitas coisas sobre ele.

O novo GLA adotará um estilo muito próximo dos novos Classe A e GLB, que por sua vez se inspiraram no CLS. Espere por uma cabine praticamente igual aos dos demais modelos de entrada da empresa, com destaque para a tela dupla de 10,25", uma para o painel de instrumentos e outra para a central multimídia.

Outro detalhe que não causará nenhuma surpresa é a motorização, que seguirá a oferta de seus irmãos. Isso significa que terá o 1.3 turbo de 217 cv desenvolvido em parceria com a Renault, além do 2.0 turbo de 306 cv. Ambos usarão a transmissão automatizada de dupla embreagem e oito marchas. Este 2.0 deve aparecer apenas para as versões esportivas feitas pela a AMG. O GLA AMG 35 terá os 306 cv, enquanto o AMG 45 sobe para 397 cv e o AMG 45 S alcança os 421 cv.

Depois da apresentação do Mercedes-Benz GLA em dezembro, a marca deve aproveitar o Salão de Genebra (Suíça) em março para mostrar as versões AMG 35 e 45. As vendas devem começar em meados de 2020 na Europa e deve aparecer no Brasil em novembro, durante o Salão do Automóvel de São Paulo.