Sedã chega primeiro na variante topo de linha Premier. Hatch Sport6 custa R$ 123.790

ATUALIZAÇÃO: a GM entrou em contato com Motor1.com e informa que houve um erro no site. O preço correto do sedã é R$ 122.790, enquanto o Cruze Sport6 será vendido por R$ 123.790.

Quase dois meses depois de ser apresentado à imprensa, o Chevrolet Cruze 2020 enfim começa a ser oferecido pela General Motors em seu site. Com design renovado inspirado no irmão maior Malibu e com mais tecnologias, como conexão Wi-Fi 4G a bordo, o sedã custa R$ 122.790 na versão Premier, a mais cara e a única disponível no momento, enquanto sua variante hatch Sport6 sai por R$ 123.790.

Galeria: Chevrolet Cruze 2020

O Chevrolet Cruze 2020 é o único carro que a GM ainda produz na Argentina, embora a fabricante esteja investindo para inserir um novo modelo na linha de montagem. Na linha 2020, tanto o sedã quanto o hatch tiveram uma alteração no visual, a mesma que estreou nos Estados Unidos em abril de 2018. As novas linhas replicam o design do Malibu, com uma barra horizontal cromada dividindo a grade frontal e um novo para-choque frontal que muda a área dos faróis de neblina.

Tirando a parte estética, o grande destaque do Cruze reestilizado é sua lista de equipamentos. Recebeu a nova geração da central multimídia MyLink, mais rápida, com conexão Bluetooth melhorada e capaz de acessar a internet com uma conexão dedicada. Quem comprar o carro terá 3 meses grátis (ou 3 GB de limite), e depois o proprietário terá que escolher um plano da Claro a partir de R$ 29,90 ao mês. Também ganhou um novo sistema de carregamento wireless para smartphone, frenagem autônoma de emergência com detecção de pedestres e um botão que desativa o start-stop do motor – algo que falta no modelo anterior.

O pacote de equipamentos da versão Premier traz seis airbags (frontal, lateral e de cortina), alarme, alerta de ponto cego, assistente de permanência em faixa, controle de tração e estabilidade, assistente de partida em rampas, faróis de neblina, farol alto adaptativo, luz de condução diurna em LED, Isofix, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, lanternas em LED, roda de liga leve de 17”, acabamento premium para o volante e os bancos, acendimento automático dos faróis, sensor de chuva, ar-condicionado digital automático, câmera de ré, central multimídia com tela de 8”, integração com Android Auto e Apple CarPlay, partida sem chave e mais. O hatch Sport6 ainda conta com teto solar, item que não é oferecido no sedã.

Chevrolet Cruze Premier 2020
Chevrolet Cruze Premier 2020

Sua mecânica continua a mesma, utilizando o motor 1.4 turbo flex de 153 cv a 5.200 rpm e torque máximo de 24,5 kgfm a 2.000 rpm, sempre com câmbio automático de 6 marchas. O programa de etiquetagem do Inmetro diz que ele faz 9,4 km/litro na estrada e 7,6 km/litro na cidade, com etanol. Usando gasolina, este rendimento passa para 13,9 km/litro e 11,1 km/litro, respectivamente.

Fotos: Motor1.com e divulgação