Segundo geração do SUV virá importada, embora produção nacional não esteja descartada

Apresentado em julho de 2018, o novo Audi Q3 finalmente ganha uma data de lançamento no Brasil. Johannes Roscheck, presidente da marca alemã no Brasil, confirmou que o SUV compacto desembarcará no país no início de 2020, importado da Hungria. O executivo também revelou ao Motor1.com que estuda uma possível produção em São José dos Pinhais (PR), onde a geração anterior era feita.

Galeria: Audi Q3 2019

Com a chegada do Q2 como modelo de entrada e o crescimento de seus rivais, o novo Audi Q3 teve que tornar-se maior do que seu predecessor. Agora tem 4,49 m de comprimento, 1,85 m de largura e 1,59 m de altura, enquanto o entre-eixos é de 2,68 m. Ou seja, é 9,7 centímetros maior em comprimento e 7,8 cm maior em entre-eixos.

Adotou a identidade visual da marca, composta pela grade “Singleframe” com bordas cromadas bem grossas. Os faróis tem novo formato, afinando em direção à entrada de ar, e pode receber luzes de LED Matrix nas versões mais caras. As lanternas repetem o estilo, usando luzes em LED. Também foi renovado do lado de dentro, trocando a tela retrátil para a central multimídia por um display integrado ao painel e a nova geração do painel de instrumentos Virtual Cockpit.

Audi Q3 2019
Audi Q3 2019

Na Europa, é vendido com três opções de motores turbo a gasolina: 1.5 de 150 cv e 25,5 kgfm; 2.0 de 190 cv e 32,6 kgfm; e 2.0 de 230 cv e 35,7 kgfm. A transmissão pode ser a manual de 6 marchas ou a automatizada S tronic de dupla embreagem e 7 posições. A fabricante ainda não revela qual será o motor disponível no Brasil. É possível que o motor 1.5 TFSI seja substituído pelo 1.4 TFSI Flex de 150 cv nacional, enquanto o 2.0 deve vir nas duas versões.