Apresentado como conceito em 2017, modelo chegará ao mercado no final de 2020

Após quase três anos de desenvolvimento desde a apresentação inicial como carro-conceito, o SUV elétrico ID. Crozz, da Volkswagen, se aproxima do lançamento oficial. Prova disso são as imagens deste flagra, que revelam o modelo pela primeira vez sendo testado com carroceria de produção. Pelo que já é possível notar, o crossover terá porte semelhante ao do Tiguan Allspace e conservará boa parte do design antecipado pelo protótipo. O lançamento acontecerá no final de 2020, logo após a consolidação comercial do hatch ID.3, que será o primeiro membro da inédita família de elétricos a chegar ao mercado.

Galeria: Volkswagen I.D. Crozz (flagra)

Apesar da camuflagem zebrada, a dianteira deixa à mostra o formato dos faróis (que serão praticamente idênticos aos do conceito), as linhas gerais do capô e o destaque dado ao logotipo no centro da grade. No entanto, certas excentricidades serão descartadas, como iluminação na grade, rodas de tamanho exagerado e portas sem maçanetas à mostra. Além disso, o formato da carroceria não acompanhará o estilo liftback sugerido pelo protótipo. Certamente na tentativa de privilegiar o espaço interno, a Volkswagen apostará em um caimento de teto menos agressivo e mais parecido com o de hatchbacks atuais.

Na mecânica, a plataforma usada será a tão comentada MEB, desenvolvida exclusivamente para sustentar veículos elétricos. Cada eixo será alimentado por um motor elétrico próprio, num total de aproximados 300 cv de potência. Estimativas iniciais apontam para pelo menos 500 km de autonomia e bateria com função de carregamento rápido (80% da carga em apenas 30 min usando um carregador de 150 kWh). Toda a produção será concentrada na fábrica de Emden, na Alemanha, a partir do final do ano que vem.

Fotos: CarPix