Objetivo é disponibilizar tecnologia nos veículos em série a partir de 2024

Os grupos BMW e Daimler (controlador da Mercedes-Benz) anunciam nesta semana o fechamento de um acordo para desenvolvimento conjunto de sistemas autônomos de condução. O objetivo é comercializar veículos com este tipo de tecnologia a partir de 2024 e futuramente estender a aliança para implantação de dispositivos autônomos em áreas urbanas e centros das cidades, agregando ainda outros fabricantes de equipamentos. A parceria terá duração de longo prazo e, apesar do trabalho compartilhado, permitirá às empresas implementar tecnologias de forma independente em seus veículos.

Galeria: BMW Vision iNEXT

Segundo divulgado, a cooperação envolve ao todo mais de 1.200 especialistas que atuarão em equipes mistas baseadas em diferentes localidades na Alemanha, incluindo o campus de Direção Autônoma do BMW Group na cidade de Unterschleissheim, próximo a Munique; o Centro de Tecnologia da Mercedes-Benz (MTC, na sigla em inglês), na cidade de Sindelfingen, próximo a Stuttgart; e o Centro de Testes e Tecnologia da Daimler na cidade de Immendingen, na região de Friburgo, ao sul do país. Outra frente de atuação diz respeito ao desenvolvimento de uma arquitetura escalável para sistemas de assistência ao motorista, incluindo sensores, bem como um centro de dados conjunto para armazenamento, administração e processamento de dados e o desenvolvimento de funções e software.

No caso específico da BMW, a marca diz ter mais de 70 veículos autônomos atualmente em testes pelo mundo. Em 2021, a promessa é colocar no mercado o modelo iNEXT, que será habilitado no nível 4 de condução autônoma para projetos piloto.

Fonte: BMW/Daimler