Nova geração será revelada em setembro, no Salão de Frankfurt

Apesar de faltarem apenas 3 meses para a apresentação oficial para o público, a Land Rover não conseguiu esconder por completo a nova geração do jipão Defender. No flagra mais recente, captado desta vez nos Estados Unidos, o novo utilitário foi surpreendido nas versões 90 (apenas duas portas) e 110 (tradicional de quatro portas), deixando à mostra detalhes importantes e até então completamente desconhecidos. É o caso do desenho do painel e dos equipamentos presentes na cabine, bem como dos esquemas de suspensão que poderão ser oferecidos tanto de série quanto como opcionais (cada protótipo das fotos usava um arranjo diferente).

Galeria: Land Rover Defender 2020 (flagra)

Pelo que se pode ver, o desenho já está praticamente pronto e não deve mudar em basicamente nada na comparação com o carro final. Chama atenção a presença de recursos tecnológicos como quadro de instrumentos digital, sistema multimídia, voltante multifuncional, câmbio com alavanca do tipo joystick, entre outros. Chama atenção ainda o fato de os comandos do sistema de ar-condicionado serem todos físicos - recurso que vai de encontro aos mais mais caros da marca, mas que ao mesmo tempo se torna mais adequado à proposta de robustez e simplicidade do Defender. As fotos deste flagra não mostram, mas vazamentos anteriores já revelaram que os pedais serão personalizados e terão as inscrições "Stop" (freio) e "Go" (acelerador).

Land Rover Defender 2020 (flagra)
Land Rover Defender 2020 (flagra)

Na mecânica, as fotos revelam que a Land Rover apostará em dois tipos diferentes de suspensão. No caso do modelo 110, de quatro portas, o protótipo usa um sistema a ar no eixo traseiro e, embora não seja possível visualizar nas imagens, é imaginado que o mesmo dispositivo esteja presente também na dianteira. Já o modelo 90, de apenas duas portas, adota uma configuração mais simples com molas helicoidais no eixo traseiro (e provavelmente também na frente). Neste ponto, ainda não está claro se o sistema de suspensão a ar será opcional para ambas as carrocerias ou oferecido exclusivamente na variante mais longa.

Sob o capô, o destaque ficará por conta da oferta de um novo motor 2.0 turbo a gasolina. Posteriormente, serão adicionadas ao catálogo opções turbodiesel e híbridas. O lançamento está programado para acontecer em setembro, durante o Salão de Frankfurt.

Fonte: Automedia