Será versão extrema do GT 4-Door e brigará com Porsche Panamera S E-Hybrid

Quando a Mercedes-AMG antecipou o GT 4-Door Coupe, o conceito exibido no Salão de Genebra 2017 usava uma motorização híbrida formada pelo 4.0 V8 biturbo e um motor elétrico. A unidade a combustão ficava posicionada no lugar de sempre, enquanto o motor elétrico fica na traseira, e a potência combinada chega aos 815 cv.

O pessoal de Affalterbach confirmou que há planos em usar essa motorização em um modelo de produção e parece que não teremos que esperar muito. O GT 4-Door Coupe, na versão 63 S, já é o carro mais poderoso da Mercedes em produção (tirando o Project One), mas o possível GT73 levará tudo para um novo nível com cerca de 815 cv. Segundo a revista Autocar, está programado para chegar às lojas no ano que vem.

Galeria: Mercedes-AMG GT Concept

A publicação britânica ainda publicou alguns flagras (que você pode ver no link mais abaixo) com um protótipo interessante que utiliza um sistema elétrico bem intricado e que indica que o modelo tem uma motorização híbrida. Além disso, a Autocar ainda ouviu de seus fotógrafos que o carro saiu sem fazer qualquer barulho, então deve ter utilizado o modo elétrico.

A decisão de colocar o logo "73" faz sentido, já que a Mercedes usou o nome em alguns carros especiais no passado, como o super-raro SL73. Nós vimos também que a fabricante registrou G73 e S73, indicando que o Classe G e a próxima geração do Classe S devem receber variantes ainda mais extremas. Há até um registro do GT73 4Matic+, que pode virar a resposta da empresa ao Porsche Panamera S E-Hybrid e seus "poucos" 680 cv.

Acredita-se que a adição na mecânica em comparação ao GT63 S não deve elevar muito o peso do GT73, que seria capaz de acelerar até 100 km/h em 3,0 segundos, 0,2 s a menos. Além de melhorar a aceleração do sedã, o componente híbrida ainda permitirá que o carro ofereça um modo totalmente elétrico com autonomia de 50 km.

Quando finalmente chegar ao mercado, o Mercedes-AMG GT73 Hybrid deve ter um preço bem acima dos US$ 159.000 (R$ 613,2 mil) cobrados pelo GT63 S. Como referência, o Porsche Panamera Turbo S E-Hybrid é vendido nos Estados Unidos a partir de US$ 186.200 (R$ 718,2 mil).

Fonte: Autocar