Nova geração será oficialmente revelada em outubro

O caminho para apresentação oficial da nova geração do Volkswagen Golf já foi pavimentado através de divulgação de diversos flagras e teasers, mas ganha força nesta semana com a publicação daquela que vem sendo considerada a melhor projeção já feita até agora. Criada com base nas descobertas mais recentes, a renderização foi publicada pelos nossos amigos russos do Kolesa.ru e adianta com fidelidade os mais relevantes detalhes do design, em especial formato dos faróis e desenho das lanternas. A apresentação oficial acontecerá no mês de outubro, com vendas nos principais mercados da Europa a partir de 2020.

Galeria: Volkswagen Golf 2020 (projeção)

O lançamento, como já dito, está programado para acontecer no final deste ano, mas curiosamente não será no Salão de Frankfurt. Segundo a própria VW, a estreia acontecerá um pouco depois e foi adiada em relação às previsões iniciais "para dar à oitava geração a exclusividade que ela merece". No entanto, rumores apontam para a existência de problemas de produção ocasionados por falhas técnicas nos recursos digitais do carro, que nesta geração serão muitos. Os engenheiros teriam visto a necessidade de realizar novos testes antes da chegada do modelo ao mercado para evitar eventuais dores-de-cabeça e aborrecimentos logo nos primeiros meses da vida do carro.

Volkswagen Golf 2020 - Flagra do interior
Volkswagen Golf 2020 - Teasers

Conforme já adiantado em flagras e esboços oficias, o painel das versões mais caras ganhará ainda mais refinamento e adotará uma série de telas digitais que substituirão praticamente todos os botões físicos existentes atualmente. Nesse sentido, o painel de instrumentos digital Active Info Display será de nova geração, o volante ganhará o desenho do T-Cross europeu e os únicos comandos serão os de acionamento do pisca-alerta entre as saídas de ar e pequenas teclas sensíveis ao toque logo abaixo da central multimídia dedicadas ao funcionamento do ar-condicionado. "A Volkswagen adotará uma filosofia clean", diz um informante.

Sob o capô, as versões convencionais contarão com os motores 1.0 TSI e 1.5 TSI usados atualmente, porém equipados com um sistema híbrido-leve de 48V que promete economizar 0,4 litros a cada 100 km. As versões esportivas GTI e R terão à disposição o conhecido motor 2.0 TSI com potência de 300 cv e 400 cv, respectivamente. 

Fonte: Kolesa.ru