Para mercados fora da Europa, haverá o mesmo V6 biturbo do RS4

A divisão de performance Audi Sport oficializa nesta semana o lançamento dos novos S6 (Sedan e Avant) e S7 (Sportback) 2020. Na contramão da tendência atual, ambos surpreendem pela oferta de um potente motor turbodiesel no mercado europeu e comprovam que ainda há demanda para este tipo de combustível na região. Trata-se do mesmo 3.0 V6 TDI que equipa o SUV SQ5 TDI, porém com potência elevada de 352 cv para 354 cv, com torque de 71,3 kgfm.

Já para Estados Unidos, Ásia e Oriente Médio, a escolha recaiu sobre o 2.9 V6 TFSI que já é usado pelos modelos RS4 Avant, RS5 Coupé e RS5 Sportback, com potência de 450 cv e torque de 61,2 kgfm.

Galeria: Audi S6 Sedan, Avant 2020

Segundo dados de fábrica, o mais rápido de todos é o S6 Sedan, que alcança os 100 km/h partindo da imobilidade em apenas 5 segundos. S6 Avant e S7 Sportback precisam de um décimo de segundo adicional para completar a mesma tarefa, uma vez que são ligeiramente mais pesados. Nos três casos, a velocidade máxima é de 250 km/h (limitada eletronicamente), o câmbio automático de 8 marchas e a tração é integral permanente. A distribuição de potência é de 40:60 entre os dois eixos e, no máximo, 70% à frente ou 85% atrás. A suspensão adaptativa é regulável e reduz a altura do S6 até 20 mm e do S7 em 10 mm.

Galeria: Audi S7 Sportback 2020

No visual, a preparação típica desta versões inclui rodas de 20 polegadas com desenho exclusivo, novos para-choques, logotipos específicos, bancos esportivos e tonalidades mais chamativas para a carroceria. Entre os equipamentos, destaque para o sistema de navegação MMI e o Audi Virtual Cockpit com 12,3 polegadas.

Fotos: Divulgação