Desenvolvido em parceria com a chinesa Dongfeng, modelo usa plataforma alongada do Civic

Assim como acontece com Volkswagen e General Motors, a Honda também possui acordos do cooperação com mais de uma montadora na China. São as chamadas joint-ventures, que viabilizam a atuação de fabricantes estrangeiras naquele mercado e, diante de uma realidade comercial tão diversa, acabam por gerar particularidades bastante curiosas.

É o caso, por exemplo, da comercialização de um mesmo carro por uma mesma marca, apenas com mudanças de nome. O sedã Envix, lançado recentemente, representa bem essa estratégia dentro da Honda e estreia com a missão de fazer a ponte entre o Civic e o Accord sendo, na prática, uma espécie de Crider com nova dianteira.

Galeria: Honda Envix

O Crider, à venda no mercado chinês desde 2013, já acumula duas gerações no currículo e é produzido pela joint-venture Guanqi Honda. O Envix, por sua vez, é um projeto da Dongfeng Honda que chega ao mercado agora para atuar exatamente no mesmo nicho. Ambos dividem uma versão alongada da plataforma do Civic e têm basicamente o mesmo design. O novato se diferencia apenas por detalhes na dianteira, como grade e para-choque. Ao todo são 4,75 m de comprimento, 180 m de largura, 1,50 m de altura e 2,73 m de entre-eixos, que garantem ampla oferta de espaço interno e atendem exatamente ao desejo do consumidor local por conforto a bordo (principalmente no banco traseiro).

Também é comum aos dois o motor 1.0 turbo de três cilindros com potência de 122 cv e torque de 17,6 kgfm. O propulsor trabalha em conjunto com um câmbio manual de 6 marchas ou automático do tipo CVT e, dependendo do caso, alcança média de consumo de 20,4 km/l.

Fotos: Divulgação