Novidade será apresentada dentro de poucos dias, no Salão de Nova York

Com abertura oficial programada para os próximos dias, o Salão de Nova York deverá servir de palco para apresentação de novidades dentro da gama Mustang. Em anúncio divulgado nesta semana, a própria Ford confirmou a realização de um espécie de prévia envolvendo o modelo e criou expectativa para o lançamento de uma nova versão durante o evento. Detalhes ainda são limitados, mas tudo aponta para a chegada de uma variante de entrada com foco na performance, que tanto poderá ser a reedição de uma configuração do passado como algo inédito e desenvolvido especificamente para a geração de hoje.

Galeria: Ford Mustang 2018

Entre outras possibilidades, destaque para um eventual retorno da versão SVO. A sigla é sinônimo de esportividade dentro da linha Ford e já figurou no catálogo do Mustang entre os anos de 1984 e 1986. Na época, tinha motor 2.3 turbo com cerca de 205 cv e se destacava justamente pela leveza do conjunto em relação às versões V8. Contava ainda com suspensão e freios aprimorados, sendo na prática uma opção mais leve e ágil. Coincidência ou não, o Mustang de hoje também conta com um propulsor 2.3 turbo em oferta (agora com 310 cv), o que alimenta ainda mais os rumores sobre a volta da sigla.

Por outro lado, há quem aposte no retorno de uma opção V6. Este propulsor foi ofertado no Mustang no lançamento desta geração, em 2015, e contava com 3,7 litros de deslocamento e 305 cv de potência. No entanto, foi descontinuado no lançamento da linha 2018 e o esportivo acabou ficando sem opção intermediária. Agora, fala-se na volta da opção V6, porém desta vez protagonizada pelo 2.7 de 325 cv que equipa a picape F-150. Mais detalhes serão divulgados nas próximas semanas.

Fotos: Divulgação