Hatch havia recebido 4 estrelas em 2015, mas foi rebaixado por impacto lateral

A Latin NCAP continua a reavaliar alguns carros, agora sob os novos critérios adotados em 2016. Após fazer isso com Ka, Onix, Palio e March, agora foi a vez do Volkswagen Fox e sua variante perua, a finada SpaceFox. A dupla teve a nota de proteção para adultos rebaixada de 4 para 3 estrelas, o limite para um carro sem controle de estabilidade, enquanto a segurança para crianças subiu de 2 para 3 estrelas.

Galeria: Volkswagen Fox - Latin NCAP 2019

De acordo com o Latin NCAP, o que a entidade fez foi aproveitar o teste de colisão frontal feito com o Volkswagen Fox em dezembro de 2015 e complementar com uma avaliação do impacto lateral, agora obrigatório. No teste frontal, o hatch mostrou uma estrutura estável, mas não oferecia ISOFIX. Na época, recebeu 4 estrelas.

'

Porém, o impacto lateral não foi tão bom, apresentando uma alta penetração na colisão, com a estrutura do assento e da porta oferecendo uma proteção no limite do aceitável. A medição dos bonecos mostra que a proteção na região do tórax foi fraca, o segundo pior resultado e que fez com que obtivesse apenas 3 estrelas. O grupo ainda critica a falta do cinto de segurança de três pontos na posição central do banco traseiro.

Volkswagen Fox - Latin NCAP 2019

O Latin NCAP diz que o critério atual será usado até o final deste ano, momento em que o padrão deve ser endurecido com mais exigências. O próximo resultado será revelado ainda no mês de março e tudo indica que será a vez de mais um Volkswagen: o T-Cross, aproveitando a chegada às lojas. A fabricante cedeu um Polo e o Virtus para os testes de colisão, que foram divulgados justamente no lançamento de ambos.