Acordo histórico foi fechado com sindicato que reúne os metalúrgicos da unidade

Ao mesmo tempo em que celebra o início da fabricação do T-Cross em São José dos Pinhais (PR) e confirma investimentos para produção do Tarek na Argentina, a Volkswagen prepara o terreno para a montagem de mais um SUV. Conforme anunciado nesta quinta-feira (21) pelo sindicato local dos metalúrgicos, o fechamento de um acordo entre a entidade e a montadora proporcionará a implantação da plataforma modular MQB na fábrica de Taubaté (SP). A unidade atualmente produz os modelos Gol e Up! (arquitetura PQ) e passará, graças à nova base, a fabricar duas versões do Polo e um inédito utilitário pequeno.

VW Polo Alltrack Rendering

Detalhes sobre as novidades ainda são limitados, mas tudo indica que o SUV em questão será feito a partir da plataforma MQB-A0 do T-Cross, porém com o entre-eixos do Polo (2,56 m). Pense em algo como um Polo Cross, só que com mudanças mais pesadas na carroceria em relação ao hatch. A promessa da Volkswagen é lançar 5 novos SUVs no Brasil até 2020 e, depois do Tiguan Allspace, T-Cross e Tarek, este utilitário compacto será a quarta grande aposta - já que a quinta provavelmente será um modelo de topo (possivelmente o Atlas Sport), posicionado no lugar do Touareg.

No caso do Polo, as novas versões também seguem em sigilo e, segundo o sindicato, uma delas é identificada como "Polo PA". Por fim, a entidade confirma também que a fábrica de Taubaté terá prioridade na discussão sobre as próximas gerações de Gol e Voyage.

Fonte: Sindmetau
Projeção: Kleber Pinho da Silva

Galeria: VW Polo Alltrack (projeção)