Versão pode ter motor 2.0 turbo de 300 cv e tração integral

Na Eurooa, a Volkswagen está expandindo sua linha de carros "R" com o desenvolvimento do T-Roc R, que servirá como uma alternativa ao Golf R para quem quer um SUV. Outro modelo que pode ser criado é o Jetta R, versão definitiva do sedã médio. Derrick Hatami, vice-presidente de vendas e marketing da Volkswagen EUA disse não excluir a possibilidade de vender esta versão, como revela a revista Motor Trend.

Quando questionado pela Motor Trend se iremos ver um Jetta R, Hatami disse "nunca diga nunca". Ele ainda mencionou que a Volkswagen tem planos de fazer com que o Jetta seja um carro esportivo de verdade, na mesma veia que o Golf GTI e Golf R, mesmo que isso signifique um pouco de disputa entre o sedã e o hatch pelas vendas. Hatami diz que as versões mais potentes do Jetta podem atrair mais clientes do que o Golf GTI/R.

Galeria: Volkswagen Jetta GLI 2019

É óbvio que ainda está muito cedo para falar sobre suas especificações técnicas, ainda mais porque o Jetta R ainda nem foi aprovado, mas não é difícil imaginar que o sedã deve receber tração integral e cerca de 300 cv. É um salto considerável em relação ao recém-apresentado Jetta GLI de 230 cv e tração dianteira, que já traz o motor do Golf GTI e os freios do Golf R.

Além de falar do Jetta R, Hatami ainda confirmou o lançamento de um novo SUV para os Estados Unidos. Este modelo ficará abaixo do Tiguan e será lançado em 2021. Embora faça mistério, tudo indica que será o Tarek, o mesmo carro que será produzido na Argentina e chega ao Brasil em 2020. O Tarek, também chamado de Tharu, será feito no México e já havia sido confirmado por Herbert Diess, CEO da Volkswagen, em entrevista ao Automotive News

Fonte: Motor Trend