Trabalhadores foram transferidos para outras divisões da empresa

A Apple teria desistido de seus planos para um carro próprio em 2016, mas isso não significa que não irá participar do mundo automotivo. A gigante da tecnologia manteve um projeto de criar um sistema de condução autônoma. Segundo Automotive News Europe e CNBC, a empresa tomou a decisão de retirar mais de 200 pessoas do time, transferindo os funcionários para outras divisões dentro da firma.

Galeria: Apple Car - Projeção

"Temos um time incrivelmente talentoso trabalhando nos sistemas autônomos e tecnologias associadas da Apple", disse um porta-voz à CNBC. "Como a equipe irá focar seu trabalho em outras áreas importantes em 2019, alguns grupos estão sendo movidos para projetos em outras partes da empresa, onde eles irão dar suporte para outras iniciativas, como machine learning [capacidade das inteligências artificiais de aprenderem sozinhas]."

Depois de cancelar seu projeto para criar um carro, a Apple desviou sua atenção para o desenvolvimento de tecnologias autônomas, inclusive pediu permissão para testar o sistema em ruas públicas na Califórnia. A empresa de tecnologia estaria trabalhando com Bosch e Volkswagen. Flagras mostravam a Apple desenvolvendo o sistema em um Lexus RX450h, que os engenheiros modificaram para que pudesse ser controlado em situações de emergência, usando um volante Logitech de videogame instalado no banco traseiro.

O projeto com a Volkswagen pode dar origem a uma série de veículos autônomos. As duas empresas estariam planejando usar uma versão modificada da van Transporter, para que tenha uma inteligência artificial capaz de aprender sozinha a guiar o carro. O estúdio de design Italdesign estaria fazendo um novo desenho para ser usado na van, de forma que pudesse ter espaço para toda a eletrônica dos sensores e converter a motorização para elétrica. Estes veículos seriam utilizados como transporte para funcionários da Apple viajarem entre os prédios da empresa no Vale do Silício.

Fonte: Automotive News Europe