Parceria inédita vem sendo discutida internamente e pode incluir outros setores

A formação de parcerias entre grandes empresas rivais está deixando de ser mera conspiração para se tornar uma realidade cada vez mais comum na indústria automobilística. Depois da aliança recente firmada entre Ford e Volkswagen, outras duas gigantes do setor parecem discutir internamente o fechamento de um inédito acordo estratégico: a BMW e a Mercedes-Benz. De acordo com o jornal alemão Handelsblatt, executivos de ambas as marcas estão negociando uma aproximação que poderá resultar no desenvolvimento conjunto das próximas gerações de Série 1 e Classe A, além do compartilhamento de tecnologias no setor de autônomos.

A ideia do acordo é unir forças para projetar uma arquitetura única para carros compactos (médios nos padrões brasileiros), de modo a aproveitar o melhor de cada empresa e ao mesmo tempo economizar alguns bilhões em custos produção e desenvolvimento. Oficialmente, porém, nenhuma das marcas confirma a existência de negociações. O fato é que, mesmo depois de confirmado, o acordo certamente deverá demorar alguns anos para gerar frutos - algo para 2025, diz a publicação. Isso porque o Classe A acabou de ser renovado e o Série 1 está em vias de trocar de geração (fotos abaixo).

BMW Série 1 2019 - Novos flagras
BMW Série 1 2019 - Novos flagras

Há quem diga, porém, que para a parceria dar certo executivos de ambas as marcas terão de se esforçar para convencer os engenheiros de que a aliança é vantajosa. Profissionais tanto da BMW quanto da Mercedes-Benz estariam resistindo fortemente à ideia de uma joint-venture. Além deles, aqueles fãs considerados mais aguerridos certamente também não aceitarão a ideia de maneira tão fácil. 

Fonte: Handelsblatt

Galeria: Mercedes-Benz Classe A 2019