Novidade está sendo lançada na China, onde o sedã é chamado de Sagitar

Conhecidos apreciadores de sedãs alongados e espaçosos, os consumidores chineses agora têm uma nova opção de compra dentro do portfólio da Volkswagen: o Jetta em versão Long-Wheelbase. Conhecido localmente como Sagitar, o modelo está sendo apresentado nesta semana em versão exclusiva com entre-eixos 4,5 centímetros mais comprido na comparação com as configurações vendidas em outros mercados, como Brasil e Estados Unidos. O visual praticamente não muda, mas traz sutis modificações em detalhes, como a disposição interna das luzes dos faróis, desenho das rodas e assinatura visual das lanternas.

De acordo com a Volkswagen, o entre-eixos original saltou de 2,688 metros para 2,731 metros, enquanto o comprimento total foi de 4,702 metros para 4,753 metros. Na prática, o Jetta chinês ficou quase tão grande quanto o irmão maior Passat, que mede 4,767 metros de comprimento e 2,786 metros de entre-eixos. Sob o capô, os chineses podem escolher entre os propulsores 1.2 TSI de 115 cv e 1.4 TSI de 150 cv, com opção de câmbio manual de 5 marchas ou automatizado DSG de dupla embreagem e 7 velocidades.

Volkswagen Jetta longa distância entre eixos (Sagitar)

A produção na China está sendo tocada em parceria com a FAW e expectativa é que as vendas sejam iniciadas em março. Preços ainda não foram divulgados, mas na geração passada o Sagitar tinha preço sugerido de 131.800 yuans, cerca de R$ 72.600 numa conversão direta.

Fotos: Divulgação

Galeria: Volkswagen Jetta Long-Wheelbase (Sagitar)