Além de melhorias no motor V10, assistentes de pilotagem foram aperfeiçoados

Até superesportivos passam por reestilizações. A Lamborghini apresentou o Huracán EVO, seu modelo mais "acessível" com diversas melhorias funcionais, como mais potência, atualizações de assistentes de pilotagem e aerodinâmicas, além de aquele retoque visual leve. 

Lamborghini Huracan EVO 2020

As mudanças visuais não foram apenas por estética. Segundo a Lamborghini, o novo parachoque dianteiro melhora a aerodinâmica com um spoiler integrado. As entradas de ar foram aumentadas e tem o DNA característico da Lamborghini. Na traseira, melhor fluxo de ar com novos difusores, uma continuação do assoalho todo plano. Novas rodas de 20" completam o conjunto.

O motor V10, 5.2 aspirado, agora tem a potência da versão Performante, que são 640 cv a 8.000 rpm e 61,2 kgfm de torque a 6.500 rpm. Entre as melhorias, estão as válvulas e titânio e escape revisto, melhorando até mesmo o característico ronco do V10. Com isso, o Huracán EVO acelera aos 100 km/h em apenas 2,9 segundos, e aos 200 km/h em 9 segundos. A velocidade máxima é de 325 km/h, segundo a marca. 

Lamborghini Huracan EVO 2020
Lamborghini Huracan EVO 2020

A Lamborghini aproveitou para apresentar um novo sistema com nome bonito. O Lamborghini Dinamica Veicolo Integrata (LDVI) é o novo controlador dos sistemas dinâmicos do Huracán, que vem junto com um novo eixo traseiro esterçante e vetorizador de torque nas quatro rodas. Ele é capaz de prever a ação do motoristas se baseando em posição de volante, pedais e em acelerômetros pelo carro. Falando em acelerômetros, eles foram atualizados também, assim como a suspensão adaptativa. 

Por dentro, uma nova tela de 8,4" central, que serve para ajustar parâmetros do carro, ar-condicionado, sistema multimídia e até bancos. Como opcional, sistema de telemetria para os pilotos que levam o seu Lamborghini para as pistas. O lançamento oficial acontece ainda em 2019. 

Galeria: Lamborghini Huracan EVO 2020