Chamado envolve exemplares produzidos entre maio de 2017 e setembro de 2018

A Caoa Chery anuncia nesta quarta-feira (5) a realização de um recall envolvendo o crossover Tiggo 2. Conforme explica a marca, aproximadamente 3.575 unidades fabricadas entre 23 de maio de 2017 e 11 de setembro de 2018 devem voltar às concessionárias para reparar uma falha identificada no chicote do ECM. Dependendo do caso, o referido componente poderá entrar em atrito com as partes metálicas localizadas no compartimento do motor por conta da vibração natural do próprio veículo e, dessa forma, gerar curto-circuito ou rompimento do chicote.

O problema pode ser identificado através do acendimento das luzes no painel de instrumentos ou falhas no sistema de injeção, além de oscilação da marcha lenta, impedimento da partida ou desligamento do motor e perda da assistência à frenagem. Diante disso, a marca alerta para o risco de colisões e acidentes, com lesões graves e danos até mesmo fatais para os ocupantes do veículo e terceiros.

Chery Tiggo 2

O reparo já pode ser agendado e consiste na verificação e eventual substituição da peça problemática. Informações adicionais estão disponíveis pelo telefone 0800 772 4379. As unidades envolvidas têm chassis de JA000929 a KA006473.

Fotos: Divulgação

Galeria: Chery Tiggo 2