Com o anúncio, médio se despede definitivamente da América do Norte

Após a enorme repercussão em torno do anúncio do plano de reestruturação GM para a América do Norte, agora surge mais uma novidade sobre o grupo. De acordo com a divisão mexicana da marca, o Chevrolet Cruze deixará de ser produzido no México. 

Além de sair de linha nos Estados Unidos, conforme divulgado no início da semana, o carro médio também deixará as linhas de produção do complexo Ramos Arizpe no primeiro trimestre de 2019. A grande novidade é que em seu lugar será montado um SUV, a nova geração da Blazer.

Chevrolet Blazer 2019

“O fim da produção deste modelo (o Chevrolet Cruze) na fábrica mexicana ocorrerá em março. Em seu lugar, o complexo aumentará a produção do novo Blazer”, afirmou Teresa Cid, diretora de comunicações da GM México. A executiva ainda destacou que não haverá demissões, uma vez que a chegada do SUV permitirá absorver os empregos da fábrica.

Poucos meses após o anúncio de que o Cruze não seria mais produzido na Coreia do Sul, agora o modelo encerra seu ciclo de vida na América do Norte, com a despedida dos seus três mercados: Estados Unidos, Canadá e México. Por outro lado, a produção seguirá firme na China e na Argentina, onde, inclusive, já foi confirmado a lançamento do modelo reestilizado para 2019, que também chegará ao Brasil.

Fonte: gmauthority

Galeria: Chevrolet Blazer 2019