Executivo confirma lançamento para 2019, que deve começar com o SUV TX

Os planos do Grupo Caoa vão além dos carros da Chery. Carlos Alberto de Oliveira Andrade, dono da Caoa, confirma que irá vender os carros da Exeed, marca de luxo da fabricante chinesa - informação revelada durante uma entrevista ao jornalista Silvio Menezes, do canal Carro Arretado. O primeiro veículo deve ser o TX, SUV médio com motorização híbrida que será lançado na China ainda neste ano.

“Nós vamos lançar outra marca que fica sob o chapéu da Chery, que é a Exeed. Vai ser uma marca de altíssimo luxo, de altíssima qualidade, para brigar na linha da Mercedes, BMW e por aí vai”, disse o executivo. Ele dá a entender que o lançamento aconteceria no ano que vem. Já havíamos antecipado o interesse da Caoa em trazer a marca Exeed ao Brasil, após a empresa publicar uma peça publicitária com imagens do veículo. Além disso, Mauro Correia, presidente do Grupo Caoa, disse ao site Automotive Business que os novos produtos da marca chinesa foram o motivo para ele comprar a operação brasileira.

Caoa-Chery

Até o momento, a Exeed é uma marca que não começou a operar. Apresentou o conceito TX no Salão de Frankfurt (Alemanha) em 2017 e o LX, um protótipo de SUV-cupê abaixo do TX. A estreia do Exeed TX na China é prevista para o ano que vem. O modelo já apareceu na versão de produção, como mostram imagens do site Auto Home. Ele foi criado de olho no mercado europeu, porém sua estreia no Velho Continente não deve acontecer antes de 2020. Para a Caoa começar a vender o carro no Brasil no ano que vem, a apresentação tem que acontecer no segundo semestre.

O TX é um SUV de porte médio-grande. Mede 4,69 metros de comprimento, 1,88 m de largura, 1,70 m de altura e tem entre-eixos de 2,71 m, utilizando uma nova plataforma chamada M3X. Será vendido na China com motor 1.6 turbo de 197 cv, enquanto a Europa terá a versão híbrida, composta por um 1.5 turbo e outro motor elétrico, somando 218 cv. Ambas as motorizações utilizam câmbio automatizado de dupla embreagem e 7 marchas, com tração nas quatro rodas.

Ainda há muito o que decidir sobre o Exeed TX no Brasil. Qual será a motorização utilizada? O 1.6 turbo para ficar mais barato ou a variante híbrida para ficar alinhada com a Europa e usar isso como argumento de venda para o SUV? O preço será um fator importante, já que a marca terá outros quatro crossovers no mercado: Tiggo 2, Tiggo 5x, Tiggo 7 e Tiggo 8. Considerando que o Tiggo 5x, que será apresentado neste mês, terá preços entre R$ 70 mil e R$ 90 mil, o Tiggo 7 deve ficar entre R$ 100 e R$ 120 mil, e o Tiggo 8 será ainda mais caro. Se o TX for posicionado acima de todos eles, seu valor pode beirar os R$ 200 mil.

Fotos: reprodução

Galeria: Exeed TX