Parceria firmada em março poderá dar origem à próxima geração do EcoSport

Oficializada em março deste ano ainda sob certo sigilo, a parceria estratégica firmada entre Ford e Mahindra para mercados emergentes começa a se desenhar à medida em que informações internas são divulgadas. Prova disso vem da agência de notícias Reuters, que nesta semana publica matéria com maior riqueza de detalhes sobre o projeto e, pela primeira vez, traz estimativa de datas sobre os primeiros lançamentos. Como já dito, a aliança desenvolverá conjuntamente dois SUVs (um compacto e outro de porte intermediário) e tecnologias de propulsão elétrica.

Segundo a publicação, o primeiro crossover da parceria chegará ao mercado por volta de 2020, mas ainda é tratado com bastante mistério. A expectativa é que seja o modelo de menor porte, tendo em vista o apelo comercial mais forte e o crescimento desse segmento em mercados emergentes. Ao que tudo indica, o SUV será concorrente direto de modelos como o Creta e, embora ainda seja cedo para afirmar, poderá ser na prática a nova geração do EcoSport (cuja linhagem atual, vale lembrar, já foi em grande parte desenvolvida na Índia).

Mahindra XUV500

Por sua vez, o modelo maior será lançado posteriormente e fabricado sobre a mesma base que também servirá à próxima geração do Mahindra XUV500 (conhecida pelo codinome W601). Internamente, vem sendo tratado como um futuro rival para o Jeep Compass.

De todo modo, é certo que os modelos terão todas as características tradicionais de um modelo Ford, porém com plataforma compartilhada com a Mahindra. Fontes internas adiantam que a ideia da oval azul é usar a indiana como referência em redução de custos e investir em parcerias regionais, tendo em vista que a chamada estratégia "One Ford" já não funciona mais.

Fonte: Reuters

Galeria: Ford EcoSport Storm 4WD