Receita inclui design conservador e proposta menos esportiva que a do Passat alemão

A Volkswagen apresenta nesta semana na China a nova geração do Passat para o mercado local. Independente da versão vendida na Europa, o modelo chega com a missão de atender especificamente ao gosto do consumidor chinês e ao mesmo tempo manter a posição de competitividade da Volkswagen neste que um dos mais importantes segmentos daquele país. O design traz perfil conservador, como manda a cartilha da categoria, e o interior traz foco total em luxo e conforto.

Medidas específicas não foram reveladas, mas as fotos deixam a impressão que o modelo é maior que qualquer outro parente estrangeiro, seja o Passat europeu seja o o Passat norte-americano. O interior oferece tratamento especial para os ocupantes de trás, com bancos que abraçam bem o passageiro e garantem prioridade no bem estar a bordo.

Volkswagen Passat 2018 (China)

Um detalhe interessante é que detalhes da nova geração do Passat vendido na América do Norte podem estar sendo antecipados. Por lá, o lançamento do novo modelo é aguardado para o ano que vem como parte da estratégia de expansão de investimentos da VW na região.

Fotos: Divulgação

Galeria: Volkswagen Passat 2018 (China)