SUV terá recursos como frenagem automática de emergência e detecção de pedestres

Considerado um dos lançamentos mais aguardados da Volkswagen neste fim de ano, o SUV T-Cross chegará ao mercado não apenas com a missão de representar a marca no segmento de utilitários compactos, mas também com a tarefa de ser tão ou até mais seguro que os principais rivais. Isso porque, pelo menos para a versão europeia, já está confirmada a presença de recursos tecnológicos de última geração, em especial sistema de frenagem automática de emergência e detecção de pedestres. “I am safe” (algo como 'eu sou seguro') será um dos slogans da campanha de lançamento.

Além desses itens, haverá assistente de mudança de faixa, detector de pontos cegos, alerta de tráfego traseiro, sistema proativo de proteção aos ocupantes (o dispositivo fecha janelas e teto solar, aperta os cintos de segurança e aumenta a pressão do freio em caso de acidentes) e piloto automático adaptativo (freia e acelera automaticamente usando um sistema de radar).

Volkswagen T-Cross (Brasil) protótipo

A apresentação oficial do T-Cross está marcada para o dia 25 de outubro, com posterior presença no Salão do Automóvel de São Paulo entre os dias 6 e 18 de novembro. A produção no Brasil, no entanto, começará apenas em abril. Por aqui, o modelo terá motores 1.0 TSI e 1.4 TSI, com câmbio automático de 6 marchas. Na comparação com a versão europeia, será ligeiramente maior no comprimento (com entre-eixos mais comprido) e sutilmente diferente na dianteira (com detalhes únicos na grade).

Fotos: Divulgação

Galeria: Volkswagen T-Cross (Brasil) protótipo