Maior e mais potente, o novo A1 quer mudar o jogo entre os compactos de luxo

Oito anos após a estreia do primeiro Audi A1 em Paris, o compacto está de volta em sua nova geração. O Audi A1 Sportback 2019 está mais rápido, maior e muito mais equipado do que sua versão original de 2010. E o modelo mostrado no Salão de Paris (França) deste ano parece ainda melhor. Pintado na cor vermelha e com rodas brancas inspiradas no rally, o A1 presta homenagem ao carro do Grupo B de rally. Será lançado na Europa em novembro com a missão de conquistar a liderança entre os compactos de luxo.

Audi A1 Sportback
Audi A1 Sportback

Com 4,03 metros de comprimento, 1,74 m de largura e 4,6 m de altura, o novo Audi A1 foi criado para ser "o companheiro ideal para um estilo de vida urbano." Conta com três opções diferentes de roda: 15", 16" e 17", dependendo da versão, e com algumas peças da linha S-Line para deixar o carro com um aspecto mais esportivo. Por dentro, vem com a central multimídia MMI Touch com tela de 8,8 polegadas, mudando para 10,1 polegadas por um custo a mais.

Este modelo em particular, um 30 TFSI, utiliza o motor 1.4 turbo de quatro cilindros, produzindo 200 cv. As versões mais baratas utilizam um 1.0 TFSI de três cilindros de 102 cv, que pode ser combinado a um câmbio manual de 6 marchas ou automatizado S tronic de dupla embreagem, enquanto o 1.4 tem apenas a transmissão S-tronic.

Audi A1 Sportback
Audi A1 Sportback

O novo Audi A1 começará a ser vendido na Europa em novembro. No Brasil, ainda não tem data para estrear. Rumores apontam que ele pode ser produzido em São José dos Pinhais (PR), no lugar do A3 Sedan, em uma tentativa da marca alemã de ter um modelo de maior volume.

Mais sobre o novo Audi A1

Galeria: Audi A1 2019 - Salão de Paris 2018