SUV compacto cresceu 110% em comparação ao ano passado e torna-se o terceiro modelo mais vendido da marca na região

A febre pelos SUVs na Europa vem ajudando bastante o Ford EcoSport. O modelo viu suas vendas subirem 110% em julho, seu melhor resultado em um único mês desde o lançamento. Com 10.500 unidades, tornou-se o terceiro modelo mais vendido da Ford nos 20 principais mercados da Europa, ainda perdendo para o Kuga (12.800), seu irmão maior feito com a plataforma do Focus, e para a nova geração do Fiesta (20.700).

Leia também

A segunda geração do Ford EcoSport chegou à Europa em 2014 com resultado fraco, emplacando somente 11 mil unidades. A marca teve que revisá-lo em 2015, deixando-o mais adequado ao gosto dos europeus, melhorando acabamento e a lista de equipamentos. Deu certo e ele emplacou 40 mil unidades desde então. Começou a ser produzido na Romênia em 2017. A reestilização foi lançada em meados de 2017.

2018 Ford EcoSport (Euro-spec)
2018 Ford EcoSport (Euro-spec)

Além da diferença em acabamento, o EcoSport europeu utiliza o motor 1.0 turbo da família EcoBoost, nas versões de 100 cv, 125 cv e 140 cv, além da variante 1.5 turbodiesel de 100 cv ou 125 cv. A transmissão pode ser manual ou de 5 marchas ou automática de 6 posições. A tração nas quatro rodas só está disponível para os modelos com motorização diesel.

Já no Brasil, o EcoSport está voltando a ter ritmo para brigar pela liderança. O SUV emplacou 3.107 unidades em julho, seu melhor resultado até agora, porém ainda é o quinto mais vendido do segmento, abaixo de Honda HR-V, Jeep Renegade, Nissan Kicks e Hyundai Creta. A Ford prepara novidades para ele, realizando testes de uma versão sem o estepe na traseira. O modelo deve ser apresentado ainda neste ano, como uma nova opção topo de linha e pode adotar elementos de design que imitam carro esportivo, recebendo o nome ST-Line.

Galeria: Ford EcoSport (Euro-spec)