SUV já circula na Europa em testes com novo design. Alta do dólar e homologação atrapalham seu lançamento nacional

No edição passada do Salão do Automóvel de São Paulo, que aconteceu em 2016, a Renault apresentou três modelos que deveriam ser lançados ao longo de 2017. O Captur foi o primeiro, chegando em março e, logo em seguida, deveria ter sido a vez do Koleos, SUV grande que seria a vitrine do que a marca francesa pode fazer para modelos mais caros. A Renault acabou mudando os planos e o deixou para após o lançamento do Kwid. Um ano depois, enquanto ainda esperamos pelo Koleos por aqui, o modelo já se prepara ganhar uma renovação na Europa.

Leia também

A reestlilização para o Koleos parece que está vindo mais cedo do que o esperado. Isso porque a Renault já colocou os belos Captur e o Kadjar entre os mais vendidos de seus segmentos – lembrando que estamos falando do Captur europeu, menor e um pouco diferente do nosso. Enquanto isso, o Koleos ainda busca seu lugar no topo. A renovação visual será uma tentativa da fabricante para deixar o SUV mais atraente.

 

Como podemos ver nas imagens, os flagras mostram o Koleos com pouca camuflagem. Terá mudanças na parte frontal, que podem trazer um novo formato para a grade, faróis redesenhados e um novo para-choque. A traseira está na mesma situação, com os adesivos tentando esconder as lanternas alteradas e o para-choque com um difusor. Do lado de dentro, deve ganhar mais sofisticação com uma tela maior para a central multimídia, seguindo os passos de seu irmão Kadjar. Também são esperados mais equipamentos de segurança, como é a tendência na Europa.

Renault Koleos reestilizado - Flagra
Renault Koleos reestilizado - Flagra

Não está confirmado, mas o Koleos pode receber um novo motor, incluindo o 1.3 turbo desenvolvido em parceria com a Daimler. Seria uma das formas de adequar o SUV às novas metas de emissões de poluentes do Velho Continente.

E no Brasil?

Quem viu o Renault Koleos no Salão do Automóvel e se interessou, ainda tem uma chance. Em conversa com executivos da Renault do Brasil, o Motor1.com apurou que o SUV ainda está nos planos para o mercado brasileiro. Inicialmente, o atraso foi ocasionado pelo processo de homologação do motor, visto que seria o único modelo a ter o propulsor 2.5 por aqui. Além disso, a variação cambial também acabou por prejudicar todo o planejamento. 

Renault mostra Kwid, Captur e Koleos pela primeira vez no Brasil - veja detalhes

Vale lembrar que algumas unidades do Koleos já circulam pelo Brasil emplacado e que foi confirmado para o Brasil por nada menos que o chefão global da Aliança Renault Nissan Mitsubishi, Carlos Ghosn, durante a primeira apresentação pública do Kwid na fábrica da Renault no Paraná em 2016.

De qualquer forma, agora existe o fato novo que é a reestilização, o que justifica a espera pelas mudanças para que a Renault posso então planejar o seu lançamento no Brasil.

Galeria: Renault Koleos reestilizado - Flagra