Modelo produzido em São José dos Pinhais (PR) terá entre-eixos do Virtus, enquanto o resto do mundo usará Polo como base

O Volkswagen T-Cross será o lançamento mais importante da marca para 2019. Quando for revelado em novembro próximo, durante o Salão do Automóvel de São Paulo, a filial brasileira dirá que ele é diferente do modelo global. Isso se deve ao fato de que será maior, por usar o entre-eixos do Virtus e, assim, ganhar no comprimento, como apurado pela reportagem do Motor1.com. Apesar da apresentação ser ainda neste ano, as vendas só começarão no início do ano que vem.

Volkswagen T-Cross 2019 - Teaser
Volkswagen T-Cross 2019 - Teaser

Há alguns motivos para o Volkswagen T-Cross nacional ser maior. A primeira razão é o gosto do brasileiro, que prefere carros mais espaçosos, ainda mais neste segmento. Não é a primeira vez que a VW faz isso, pois a marca também fez alterações no Up! nacional, aumentando o balanço traseiro para que o porta-malas ficasse maior. A Volkswagen diz que o T-Cross “terá um espaço surpreendente”. 

O segundo motivo é a diferença para o mercado europeu. Por lá, o T-Cross ficará logo abaixo do T-Roc, outro SUV compacto que usa a plataforma do Golf e que mede 4,23 m de comprimento e 2,60 m de entre-eixos. Já no Brasil, o modelo que estará logo acima será o futuro SUV médio Tarek, maior que o T-Cross e que será produzido na Argentina em 2020 – os dados divulgados na China mostram que terá 4,45 m de comprimento e 2,68 m de entre-eixos.

Leia também:

Por isso, o T-Cross para o resto do mundo será produzido com o entre-eixos de 2,56 metros do Polo e com 4,10 m de comprimento. Já a Volkswagen do Brasil, segundo apuramos, utilizará o entre-eixos 2,65 m da MQB-A0 do Virtus, e terá comprimento total de 4,19 m. Isso aumentará o espaço interno, principalmente para os ocupantes do banco traseiro.

A motorização também será diferente, utilizando o 1.6 MSI de 117 cv como opção de entrada, o 1.0 TSI de 128 cv nas intermediárias e, possivelmente, o 1.4 TSI de 150 cv em uma variante topo de linha com pegada esportiva. Assim como Polo e Virtus, terá câmbio manual de 5 marchas na versão de entrada e automático Tiptronic de 6 posições nas demais.

Imagens: Divulgação

Galeria: Volkswagen T-Cross 2019 - Teaser