Picape cumpriu o feito com a mais potente versão do motor 3.0 V6, que entrega 272 cv

Praticamente um ano depois de rebocar um Boeing 747 de 180 toneladas (feito realizado no aeroporto de Ciudad del Este, no Paraguai), a Volkswagen promove novamente uma rigorosa demonstração de força da Amarok V6. Realizada na Hungria, a ação criada pela divisão local da marca consistiu em rebocar um trem de 49 toneladas em uma estação de Debrecen, a segunda maior cidade do país.

A Amarok do desafio já estava equipada com a versão mais potente do propulsor 3.0 V6. Oferecido sempre nas versões topo de linha, o powertrain desenvolve 258 cv e 59,1 kgfm de torque, contra 225 cv e 56,1 kgfm de torque do modelo V6 vendido no Brasil. Além disso, conta com a função de overboost que aumenta a potência disponível momentaneamente em mais 14 cv, totalizando 272 cv. A força é canalizada para as quatro rodas através do sistema 4Motion e do câmbio automático de 8 marchas.

Leia também:

 

Nesta configuração, o motor V6 será oferecido para a Amarok vendida no Brasil e em outros mercados sul-americanos a partir de 2019. Será a reposta da Volkswagen ao lançamento da Mercedes Classe X em versão X350d, que extrai 258 cv e 56 kgfm de torque do motor 3.0 também V6 turbodiesel. Era, até então, a picape média mais potente do segmento.

Fotos: Divulgação

Galeria: VW Amarok Aventura Exclusive Concept e Amarok Dark Label