Problema no módulo ORC pode desabilitar funcionamento de alguns dispositivos

A FCA começa a reparar no Brasil 2.329 unidades do Jeep Cherokee envolvidas em um recall anunciado inicialmente em dezembro de 2017. Conforme relata o grupo, exemplares ano-modelo 2012 devem voltar às concessionárias para solucionar problemas identificados no sistema de segurança, mais especificamente no módulo ORC. Responsável pelos comandos de cintos de segurança, airbags e encostos de cabeça ativos, o dispositivo pode não funcionar de maneira adequada e reduzir o nível de segurança em caso de acidentes.

Leia também:

Segundo a marca, o motorista poderá identificar o defeito através do acendimento da luz espia no painel do veículo. No reparo, será realizada inspiração e, se necessária, troca do referido módulo. O serviço leva em média 1 hora para ser concluído e começará a ser realizado a partir do dia 2 de abril. Informações adicionais estão disponível pelo site www.jeep.com.br ou por meio do telefone (0800 703 7150). Os números de chassis não sequenciais, últimos 6 dígitos, vão de 107403 a 193703.

Fotos: Divulgação

Galeria: Jeep Cherokee 2012