Novidades devem chegar ao modelo vendido no Brasil ainda neste ano

Revelado em primeiras fotos de estúdio na semana passada, o reestilizado Ford Fusion 2019 agora estreia de forma pública no Salão de Nova York. Segundo tapa visual aplicado à esta geração, o facelift rejuvenesceu a dianteira do sedã com uma nova grelha para a grade, faróis de neblina com novo formato e detalhes adicionais cromados. Atrás, as lanternas ganharam iluminação em LED e tampa do porta-malas foi redesenhada, ao passo que as laterais receberam novas rodas e emblemas. O interior não recebeu grandes mudanças.

Leia também:

Além dos retoques estéticos, a linha 2019 trouxe novidades importantes no quesito equipamentos. Agora vem de série (pelo menos nos EUA) com o pacote de assistência à condução Co-Pilot360. Desde a versão básica, o kit inclui frenagem automática de emergência com detecção de pedestres, sensor de ponto cego, assistente de permanência em faixa, farol alto automático, sensor de chuva, sensor crepuscular e câmera de ré com aviso de tráfego cruzado. O controle de cruzeiro adaptativo ganha a função stop-and-go, capaz de parar o veículo e voltar a acelerar, seguindo o carro à frente. A central multimídia Sync 3, dependendo da versão, tem comando por voz.

Ford Fusion 2019 - Ao Vivo Nova York

A Ford aproveitou também para simplificar e rebatizar a linha Fusion. A versão básica é a S, a única que continua a usar o motor 2.5 Duratec de 167 cv (175 cv com etanol na versão flex vendida no Brasil). A versão SE adota o 1.5 EcoBoost de quatro cilindros que gera 183 cv e 25,6 kgfm, usado também nas configurações SEL e Titanium. No topo da linha está o Fusion V6 Sport, com o 2.7 V6 EcoBoost de 330 cv. O 2.0 EcoBoost usado no Brasil deixa de ser oferecido, ou seja, haverá mudança na versão que vem para cá. Já o conjunto híbrido, formado pelo 2.0 Duratec e um motor elétrico, será vendido em três versões, além da híbrida plug-in Energi. Com exceção do Fusion hybrid, que usa câmbio CVT, todos os modelos usam transmissão automática de 6 marchas.

As vendas no mercado norte-americano serão iniciadas nos próximos meses. No Brasil ainda não há previsão, mas, como o modelo é importado, a chegada deverá acontecer ainda neste ano.

Fotos: Divulgação e Arquivo 

Galeria: Ford Fusion 2019