Errar no coração pode comprometer a carreira de um automóvel, como mostram esses exemplos

Não é à toa que o motor é considerado o coração de um carro: se ele não estiver de acordo com o peso e proposta do veículo, a chance de complicações mercadológicas é grande. Reunimos então alguns casos de automóveis que não nasceram exatamente com o coração que mereciam, mas depois passaram por um transplante bem sucedido. Confira na galeria acima! 

Leia também:

 

Envie seu flagra! flagra@motor1.com