Picape média terá nova cara, que já aparece em registro de patente

Novidades para a Toyota Hilux já estão sendo preparadas no Brasil para manter a picape na liderança do mercado. Na Ásia, a Hilux já ganhou um novo design e o modelo vendido no Brasil deve receber o mesmo visual no segundo semestre, conforme adiantado com exclusividade por Motor1.com. A nova frente já foi registrada pela marca no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), igual ao modelo tailandês.

Leia também:

Entre as mudanças visuais, a mais evidente está presente na dianteira. O para-choque ganha novo desenho com a tomada de ar  maior na parte inferior com acabamento no estilo colmeia. A grade frontal também muda ao adotar uma borda cromada nas laterais e na parte superior e parte interna seguindo o mesmo padrão da parte inferior. Outras mudanças estão nas luzes de neblina, com moldura inédita, e acabamento "C" cromado. Os faróis continuam com o mesmo formato, enquanto as lanternas tem novo desenho interno. A cabine segue a mesma.

 

Toyota Hilux - INPI

A renovação deve ficar restrita ao visual da Hilux. Na Tailândia, manteve a mesma lista de equipamentos e motorização. A única novidade foi a chegada de uma nova versão, a Hilux Rocco, com design diferenciado, muito parecido com a Hilux Challenge vendida no Brasil, equipado com molduras plástica sobre as caixas de roda, santoantônio integrado à caçamba, rodas de 18 polegadas e mais.

Sua mecânica seguirá a mesma. A versão a gasolina usa o 2.7 flex de 163 cv a 5.000 rpm e 25 kgfm de torque a 4.000 rpm, acoplado ao câmbio automático 6 marchas ou o manual de 5 posições. Já a opção diesel é o 2.8 turbodiesel de 177 cv a 3.400 rpm e 45,9 kgfm entre 1.600 e 2.400 rpm, com transmissão automática ou manual, ambas de 6 marchas. Continuará com versões de cabine dupla ou estendida, além de opções de tração 4x2 ou 4x4.

Fotos: INPI e Divulgação

Galeria: Toyota Hilux 2018 - Facelift Tailândia