Decisões da marca dependem do Rota 2030

Durante a inauguração da fábrica de blocos e cabeçotes em São José dos Pinhais (PR), o presidente da Renault do Brasil, Luiz Pedrucci, aproveitou para conversar com jornalistas sobre os planos da marca para os próximos anos. A mais importante é a produção do Kwid Outsider, conceito que estava no Salão de São Paulo em 2016 e traz proposta mais aventureira para o compacto. Apesar de já ser vendido como o "SUV dos compactos", o Kwid Outsider carrega mais detalhes deste segmento. Será lançado no começo de 2019. 

Pedrucci também disse que a Renault pretende manter o atual volume de vendas para o carrinho, principalmente agora que as entregas se normalizaram. Outra novidade é a chegada da picape Alaskan, modelo de porte médio que divide plataforma com a Nissan Frontier e a Mercedes-Benz Classe X. Será apresentada no Salão de São Paulo e terá vendas ainda em 2018. 

Essai Renault Alaskan

Por outro lado, a importação do SUV Koleos, dada como certa ainda em 2017, subiu no telhado. Assim como outras marcas, a Renault aguarda as decisões do governo sobre o regime Rota 2030 para seguir com alguns planos, como o lançamento do Koleos e a possível vinda do motor 1.3 turbo para nosso mercado.

Com informações de Nicolas Tavares, de Curitiba (PR)

Gallery: Avaliação - Renault Alaskan 2018