T40 com câmbio CVT, SUV grande, picape e van estão na lista

De olho na recuperação do mercado em 2018, a JAC Motors começa a revitalizar sua linha no Brasil. Após encerrar a venda de modelos mais antigos, como J3 e J5, a fabricante chinesa apostará em um portfólio formado, em grande parte, por SUVs. São quatro lançamentos confirmados, sendo um quinto pendente, com a chegada da versão do T40 com câmbio CVT e modelos inéditos: o crossover T70, a picape média T6 e uma minivan (se der tempo, ainda virá o aventureiro T20).

Leia também:

“Teremos novos SUVs, uma picape, uma van... Estimamos dobrar nossas vendas em 2018 frente ao que comercializamos em 2017”, diz Sergio Habib, presidente da JAC Motors no Brasil. A fabricante espera crescer mais 15% em 2018, após um crescimento de 40,2% em 2017.

Para começar o ano, a JAC colocará nas lojas a variante do T40 com câmbio CVT, prometida desde o lançamento do crossover e que chegará às lojas entre março e abril. Além de ser a opção para quem não quer trocar marchas, o SUV terá uma mudança importante: trocará o atual motor 1.5 por um 1.6 inédito, com mais torque. Também será usado pelo T40 manual.

Outro modelo previsto para o 1º semestre é a nova picape média, chamada de T6 Pickup na China (terá outro nome para o Brasil, já que T6 é o nome de um SUV). Virá somente com cabine dupla, motor a diesel, tração 4x4 e câmbio manual de 6 marchas – a marca diz que estuda oferecer uma versão automática. Além da troca de nome, também terá outra frente para o nosso mercado.

No 2º semestre será a vez de mais um SUV, o T70. Será o maior crossover da fabricante no país e inclusive já foi avistado sem camuflagem no Brasil. Com 4,79 metros de comprimento, tem o mesmo porte que Jeep Cherokee e capacidade para sete ocupantes. Na China, é vendido com motor 1.5 de 174 cv e 2.0 de 190 cv, ambos turbo, que podem ser acoplados ao câmbio manual de 5 marchas ou automatizado de 6 posições.

 

O último dos lançamentos já confirmados é uma van. Habib não deu mais detalhes a respeito, então não sabemos se será um modelo para passageiros ou algo voltado para o segmento comercial. Se seguirem o primeiro caminho, o mais provável é que seja a M4, lançada em 2016. Tem duas versões, para sete passageiros ou para carga. Utiliza um motor 2.0 de 147 cv e câmbio manual de 5 marchas. As demais opções de van da JAC são mais antigas. Há uma menor, a M3, lançada em 2015, e a M5, que conhecemos como T8. Se for completamente para o lado dos comerciais, existe a JAC Sunray, com motorização diesel e que brigaria com a Mercedes-Benz Sprinter.

Caso a JAC consiga lançar um quinto carro neste ano, o último da lista será o T20. Trata-se de uma versão aventureira do J2. O compacto investe no design que imita SUV, incluindo o estepe pendurado na traseira e suspensão elevada. Usa o mesmo motor 1.3, só que menos potente, com 100 cv. A ideia é oferecer um “SUV de entrada”, da mesma forma que a Renault faz com o Kwid.

Além de 2018

Fora os lançamentos para o ano que vem, a JAC ainda investirá mais no nosso mercado. Revelaram recentemente os novos planos para uma fábrica no Brasil, em Goiás. O governo goianense acabou divulgando que a fabricante comprou o complexo em Itumbiara, que era da Suzuki. Começará a operar em 2019, com a montagem do T40 e mais um SUV não revelado.

Fora o início da produção no Brasil, prepara mais algumas novidades. O T5, seu modelo mais vendido antes do lançamento do T40, já passou por um facelift na China e deve chegar ao nosso mercado em 2019, aproveitando para mudar o nome para T50. O T6 seguirá o mesmo caminho, rebatizado como T60 em sua nova geração.

Fotos: Divulgação, Motor1.com e A Tarde

Galeria: JAC T40 - Evento de lançamento

Foto de: Motor1.com