Planos de um sucessor do elétrico R8 E-Tron também teriam sido encerrados

Um rumor preocupante publicado pela Automobile Magazine indica que os dias do R8 estão chegando ao fim e que a máquina com motor aspirado não sobreviverá para ver uma terceira geração. Parece que a Audi pensou bastante e chegou à conclusão que o supercarro não é exatamente um grande sucesso de vendas e que não é uma boa ideia mantê-lo vivo após o final da década. Sim, o R8 sairia de linha em 2020, quando o Lamborghini Huracán (com quem divide plataforma) trocar de geração.

Leia também:

E não será somente o R8 normal. Aparentemente, a Audi Sport também puxou a tomada da nova versão do elétrico R8 E-Tron. As más notícias continuam, pois os planos para outro esportivo - com o codinome interno de "Scorpion" - também foram cancelados. Este modelo seria um supercarro com potência na casa dos 1.000 cv, vindos de uma combinação de quatro motores 1.2 da Ducati, para formar um V8 com válvulas desmodrómicas.

Segundo a mesma notícia, o novo motor 2.9 V6 biturbo será usado no RS5 Coupe e RS4 Avant, com 470 cv de potência, apenas 20 cv a mais do que o atual. E este motor ainda deve ser usado por esta geração do R8, equipando a nova versão de entrada que deve ser lançada em 2018.

Enquanto este motor a combustão está quase no seu limite, apesar de ser novo, os engenheiros da marca alemã desenvolveram uma variante híbrida ao combinar um motor elétrico com cerca de 114 cv. Não está claro quais modelos irão se beneficiar desta combinação, ou mesmo se ela será utilizada.

Leia também:

No resto da linha da marca, o RS6 Avant e o RS7 Sportback continuarão com o 4.0 V8 biturbo, sem nenhuma eletrificação. Outro rumor aponta para uma outra versão do RS7, com uma adaptação da mecânica do Porsche Panamera Turbo S E-Hybrid para criar um RS7 Performance de 700 cv. O RS7 normal terá que se virar com 650 cv.

Sem o R8, o carro mais luxuoso da Audi Sport será o RS Q8, previsto para ser lançado em 2020. Usará o mesmo V8 do novo Lamborghini Urus. Por fim, a Audi aparentemente trabalha em sua própria versão do Porsche Mission E que é descrito como uma interpretação moderna e elétrica do icônico Quattro, com cinco assentos.

Fonte: Automobile Magazine

Audi R8 V10 RWS