Modelo nacional deverá seguir o europeu ao menos no estilo

A Nissan do Brasil registrou no INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial) as patentes do novo Micra europeu, o equivalente ao nosso March. Isso, porém, não significa que teremos exatamente o mesmo modelo por aqui. Até porque, em conversa com o Motor1.com no Salão de Tóquio, José Luis Valls, chairman da Nissan LATAM, já havia confirmado que a nova geração de March e Versa nacionais teria desenvolvimento local. 

Nissan March - INPI

No entanto, a expectativa é que, ao menos em termos de estilo e painel, o nosso March siga os passos do europeu, como mostram os desenhos patenteados. Um design que, cá para nós, trata-se basicamente de uma versão hatch (muito bem conseguida) do SUV Kicks, já feito em Resende (RJ). O caminho do novo March brasileiro, aliás, passa muito pelo Kicks. É dele que o hatch vai aproveitar a plataforma V, mesma do March atual, mas com as atualizações feitas para o SUV. Na Europa, o Micra usa uma nova base, a modular CMF B, que seria cara demais para mercados emergentes.

Galeria: Novo Nissan March

Ainda segundo o que conversamos com Valls, deveremos ter novidades sobre March e Versa no Salão de São Paulo de 2018, possivelmente com a apresentação de um conceito. O lançamento, efetivamente, será em 2019. Além do design mais arrojado, o novo March será um pouco maior e mais equipado que o atual, devendo ganhar alguns itens do Kicks como o painel parcialmente digital, o controle de estabilidade e até mesmo o sistema de frenagem automática de emergência, recém-aplicado no SUV. 

Nissan March - INPI
Nissan March - INPI

Desta forma, o March deixará de atuar na base do segmento de hatches para brigar num filão mais apetitoso, onde estão os novos Fiat Argo e VW Polo, da mesma forma que o Versa deverá se refinar para enfrentar Cronos e Virtus. A ver.

Fotos: reprodução e divulgação

 

Galeria: Nissan March - INPI