SUV compacto é bem avaliado na proteção lateral. Mexicano Chevrolet Aveo tira nota zero

O Latin NCAP divulga a última bateria de testes de 2017 e o destaque para o mercado brasileiro é o resultado do Nissan Kicks. O SUV compacto recebeu 4 estrelas de 5 no crash-test realizado com a versão básica S. Além do crossover, foram testados o Nissan Murano (5 estrelas) e o sedã Chevrolet Sail (zero estrelas), ambos vendidos em outros mercados da América Latina.

Leia também:

A Nissan pode comemorar o resultado do Kicks, com o argumento de que poderia ter ido melhor. Pela regra do Latin NCAP, o teste sempre é feito na versão menos equipada do carro. No caso, utilizaram o Kicks S, configuração que tem somente dois airbags, mas conta com controle de tração e estabilidade de série. O SUV recebe airbags laterais e de cortina como opcionais na versão SV e de série na topo de linha SL.

Mesmo sem esses itens, o Kicks foi bem. Na proteção para adultos, recebeu nota 25,39 do máximo de 34, o suficiente para ficar com 4 estrelas. Já na proteção infantil, o resultado foi de 37,41 de 49, o que também rende 4 estrelas. O que pesou foi o peito do motorista, que ficou exposto para estruturas do painel após ele deformar com o impacto. A estrutura e a área dos pés foram consideradas instáveis. O resultado para crianças perdeu pontos por não poder desligar o airbag do passageiro para instalar uma cadeirinha no banco dianteiro e a sinalização do ISOFIX estava fora do padrão da entidade.

Fora o Kicks, o Latin NCAP testou outro Nissan, o Murano. Recebeu 5 estrelas na proteção para adultos e 3 para crianças, resultado bem diferente do teste feito em dezembro de 2016, quando obteve 2 estrelas para adultos e 4 para crianças. Teve sua estrutura reforçada, resolvendo os problemas anteriores, embora ainda apresente um perigo para as pernas dos passageiros dianteiros pela deformação do painel.

O outro modelo testado pela entidade foi o sedã mexicano Chevrolet Aveo. Entra na lista dos carros da GM que zeraram no teste, ao lado de N300, Onix, Spark, Spark GT e Agile. O Latin NCAP já tinha dado nota zero para o Sail e repetiu o teste agora que o Aveo conta com dois airbags frontais de série. O pior resultado foi para o motorista, consequência do volante ir contra o ocupante e os pedais acertarem as pernas e pés.

Fotos e vídeos: Latin NCAP