Conjunto ainda é mantido sob segredo, mas promete reduzir índices de consumo e emissões

Apresentado nesta semana junto com a nova geração, o modelo híbrido-leve de 48 volts (leia mais detalhes aqui) não será a única opção de pegada ecológica a compor o portfólio do Wrangler 2018. Em entrevista concedida recentemente, o próprio CEO Michael Manley confirmou que há planos avançados parar lançar uma variante híbrida do tipo plug-in para o novo SUV. Detalhes sobre o projeto ainda são mantidos sob sigilo, mas previsões iniciais apontam o ano de 2020 como data mais provável para o lançamento.

Leia também:

2018 Jeep Wrangler

Apesar da confirmação, a Jeep não informou quais motores formarão o conjunto. Atualmente, a FCA está presente neste segmento 'verde' com a Pacifica Hybrid, que usa o motor 3.6 V6 Pentastar associado a um propulsor elétrico, com um sistema de baterias de íons de lítio de 16 kWh. No entanto, não há certeza sobre o uso dessa motorização no novo Wrangler. Isso porque eventualmente a Jeep poderá optar pelo uso do novo motor 2.0 turbo de 272 cv, apresentado como grande novidade mecânica desta nova geração.

Fotos: Divulgação

Jeep Wrangler 2018 - Oficial