Modelos da Volkswagen, Skoda e Seat terão características próprias mais bem definidas no futuro

Apontado como um dos conglomerados automotivos mais diversificados do mercado (abriga num só leque marcas de massa, de luxo, de performance, de apelo comercial e até de motocicletas), o grupo Volkswagen anuncia nesta semana que promoverá mudanças estruturais nos próximos anos para otimizar a distinção e a diferenciação entre cada integrante da companhia. Conforme relata a agência de notícias Reuters, fabricantes como Skoda, Seat e a própria Volkswagen passarão a ter características próprias mais evidentes, de modo a evitar eventuais sobreposições e canibalizações, dependendo do segmento.

Leia também:

"O principal desafio é conseguir uma cobertura de mercado perfeita, com definições de território claras para cada marca", disse o chefão do grupo, Matthias Mueller. "Devemos usar melhor as sinergias que a nossa aliança proporciona, acima de tudo o que fizemos até o momento", completou. Ainda segundo a publicação, esta nova estratégia foi anunciada em reunião executiva realizada há poucos dias, com base em pesquisas de mercado realizadas com os 14 principais grupos de clientes que o conglomerado possui na Europa.

VW Polo 200 TSI Highline 2018
2017 Seat Ibiza First Drive

Mueller não deixou claro de que maneira essa estratégia será colocada em prática, mas a expectativa é que seja implementada na nova geração de futuros modelos. Hoje com preços e tamanhos próximos, Volkswagen Polo, Seat Ibiza e Skoda Fabia certamente terão maior diferenciação no futuro.

Fonte: Reuters

Galeria: Novo Volkswagen Polo 200 TSI Highline 2018