Marca japonesa ampliará fábrica de motores em Porto Feliz (SP) e sinaliza novidades

Além da produção do Yaris no Brasil, a Toyota anunciou a ampliação da planta de Porto Feliz (SP). Inaugurada em maio de 2016, é a responsável pela produção dos motores 1.3 e 1.5 utilizados na linha Etios. Foi o resultado de um investimento de R$ 580 milhões, e tem capacidade de produzir 108.000 motores/ano. Injetando mais R$ 600 milhões na ampliação, a Toyota quer passar para 174.000 motores/ano a partir do segundo semestre de 2019 e isso pode indicar alguns caminhos futuros. 

Leia também:

Durante o evento, os discursos de Steve St.Angelo, CEO da Toyota América Latina e Caribe, Rafael Chang, presidente da Toyota do Brasil, Geraldo Alckmin, Governador do Estado de São Paulo e Igor Calvet, Secretário de Desenvolvimento e Competitividade Industrial, tiveram algo em comum: Rota 2030. O novo regime industrial automobilístico substituirá o Inovar-Auto em 2018 e os indicativos levam ao caminho que ele valorizará e incentivará veículos mais eficientes e econômicos, além do desenvolvimento de novas tecnologias em solo nacional. 

Além disso, o Rota 2030 dá aos investidores um cenário mais amplo. Segundo Igor Calvet, o regime dará previsibilidade para os fabricantes, com planos para prazos maiores. Steve, CEO da Toyota, afirmou que "O Rota 2030 irá nos ajudar a ficar mais competitivos" no cenário mundial. E os anúncios de um novo modelo fabricado em Sorocaba (SP) e a ampliação de Porto Feliz (SP) são os primeiros passos. 

 

Galeria: Toyota Yaris

 

Depois dos discursos, uma fonte da Toyota nos disse que todos os modelos fabricados no país (leia-se Etios, Yaris e Corolla) terão ao menos uma versão com motor feito em Porto Feliz (SP). Ou seja, pode ser um indicativo sobre a nacionalização do 1.8 ou/e 2.0 do sedã médio, atualmente importados do Japão. O 1.2 turbo, segundo a fonte, não será usado em nosso mercado. Vale lembrar que a nova geração do Corolla é esperada para 2019, próximo da inauguração da ampliação da fábrica.

Fotos: divulgação