Minivan da Chevrolet é feita em São Caetano do Sul (SP) desde 2012 para o mercado nacional e exportação

Nadando de braçada no segmento, a Chevrolet comemora nada menos do que 200 mil unidades produzidas da minivan Spin. Líder no Brasil entre as minivans, o modelo também é exportado para os principais mercados da América da Sul.

Leia também:

Produzida no complexo industrial da GM em São Caetano do Sul (SP), a Spin foi lançada em junho de 2012 no Brasil para ocupar a lacuna deixada pela saudosa Zafira, o que incluiu a oferta de configuração com 7 lugares.

Chevrolet Spin Activ

Simbolizada pela versão Activ, a unidade de número 200 mil também marcou o início da produção da linha 2018, que será lançada em breve. “A Spin 2018 oferecerá conteúdo tecnológico extra para que seus usuários possam ter uma experiência ainda mais completa em relação à conectividade, hoje um dos principais diferenciais competitivos da linha Chevrolet”, adianta Rodrigo Fioco, diretor de Marketing de produto da marca.

Em seus cinco anos de mercado, a minivan estreou com motor 1.8 Flex e versões de 5 e 7 lugares com porta-malas de até 710 litros. Em 2013, a Chevrolet passou a oferecer o sistema MyLink na gama e, em 2014, lançou a série Advantage 2014. Com visual mais aventureiro, com direito a estepe aparente na parte traseira, além de novos itens de conforto, conveniência e novo acabamento interior, a Spin Activ chegou em 2015. No ano passado, embora sem alterações no visual, a Spin ganhou as novas gerações do motor 1.8 e da transmissão de 6 marchas, direção elétrica e uma inédita grade ativa do radiador que a transformou no modelo de 7 lugares mais econômico do mercado.

A Spin é vendida atualmente nas versões LS (R$ 58.890), LT (R$ 62.390), LTZ (R$ 68.590), Advantage (R$ 67.990) e Activ (R$ 71.990).

Fotos: divulgação

Chevrolet Spin Activ