Assim como o Mobi, o Uno adota o Drive como versão

Já na onda dos modelos 2018 (e olha que nem chegamos no segundo semestre de 2017!), a Fiat lançou o Uno com uma leve mudança no pacote de equipamentos e no batismo de versões. Entre os itens de série, o hatch agrega o ITPMS, ou um medidor de pressão dos pneus que, exibido no painel do computador de bordo, permite ao motorista monitorar quando é necessário calibrar. Vale lembrar que os pneus interferem não só na segurança, mas também em consumo e conforto. 

Leia também:

A versão Attractive deixa de existir. Sem mudanças nos itens de série ou opcionais (além do ITPMS), agora é a Drive, como o irmão menor Mobi. É a única versão disponível apenas com o motor 1.0 Firefly, de 3 cilindros e 72/77 cv, ligado ao câmbio manual de cinco marchas. 

Outra mudança é a nomenclatura das versões automatizadas, que deixam de ser Dualogic a viram GSR, novo batismo quando o sistema automatizado está integrado aos motores Firefly (no caso do Uno, apenas com o 1.3). Os preços foram reduzidos nas versões Drive (antes Attractive) e Way, e mantidos na Sporting. 

VERSÕES PREÇOS
Fiat Uno Drive 1.0 (antes Attractive) R$ 42.980 (antes R$ 43.320)
Fiat Uno Way 1.0  R$ 44.150 (antes R$ 44.490)
Fiat Uno Way 1.3 R$ 49.120 (antes R$ 49.320)
Fiat Uno Way 1.3 GSR (antes Dualogic) R$ 53.630 (antes R$ 53.830)
Fiat Uno Sporting 1.3

R$ 51.080 (mesmo preço)

Fiat Uno Sporting 1.3 GSR (antes Dualogic) R$ 55.580 (mesmo preço)

Fiat Uno Drive 2018