Sergio Pérez, piloto da Force India, se junta à organização do GP do México em iniciativa que protesta contra projeto de Donald Trump para a construção de um muro na fronteira entre Estados Unidos e seu país natal

A organização do GP do México iniciou uma campanha para promover a prova e protestar contra o muro que Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, pretende construir na fronteira entre os dois países. Um dos garotos-propaganda da campanha é Sergio Pérez. O piloto da Force India participou do lançamento da iniciativa, que busca a popularização por meio da hashtag #BridgesNotWalls (pontes, não muros). Além do protesto, a campanha quer mostrar que os mexicanos, unidos, podem apresentar um evento de sucesso.

"Eventos como o GP do México proporcionam uma grande oportunidade de mostrar ao mundo do que o povo mexicano é capaz de alcançar quando trabalhamos juntos", disse Pérez. "Por meio desta plataforma global, o México tem se mostrado um destino caloroso e acolhedor. As provas em 2015 e 2016 foram um sucesso e neste ano ela promete ser ainda mais memorável."

Não é a primeira vez que Pérez mostra que não tem receio de se mostrar comprometido com o México na questão envolvendo o muro pretendido por Trump. No fim do ano passado, o piloto dispensou um patrocinador que fez piada sobre a construção do muro.

Fotos: Motorsport

Pilotos mexicanos apoiam campanha contra muro de Trump