Documento certifica que um Bugatti seminovo está nas mesmas condições de um zero

BMW e Audi são alguns exemplos de marcas que, no Brasil, adotam o serviço de usados certificados. Qualquer carro é revisado seguindo uma extensa lista de itens antes de ser revendido nas concessionárias. Nesta quarta (8), a Bugatti anunciou que seus compradores também podem aproveitar o mesmo esquema na hora de comprar seu seminovo. Seu Veyron seminovo, vale ressaltar 

Durante o Rétromobile, salão de carros clássicos de Paris, a marca levará dois Veyron que passaram pelo "Bugatti Certified", uma análise feita por engenheiros e mecânicos que pode efetuar uma série de reparos, revisões e atualizações que garantem que ali está um Bugatti no mesmo estado de um zero km. Segundo a empresa, isso também valoriza o carro no mercado de usados e o seu valor histórico.

Leia também:

Mesmo novo, o Bugatti Veyron já é um clássico. Com poucas unidades fabricadas, foi substituído pelo Chiron este ano. Como destaque, a capacidade de ultrapassar os 400 km/h e sua série de recordes, como o conquistado pelas duas unidades que estarão expostas em Paris, um 16.4 Super Sport que alcançou os 431,072 km/h e o 16.4 Grand Sport Vitesse detentor da marca de 408,84 km/h. Nas fotos, estão os dois exemplares, em preto e laranja, mas os expostos estarão em cores diferentes. Um deles será preto e branco e o outro em dois tons diferentes de azul. 

Fotos: divulgação

Certificação de usados "Bugatti Certified"