Foram 1.184 motos da marca italiana emplacadas em solo nacional e 54.809 no mundo

Em um mercado que fechou 2016 com um recuo de 21,8%, a Ducati comemora o crescimento nas vendas de suas motos no Brasil. Com 1.184 unidades emplacadas no ano passado, a italiana teve o melhor resultado desde a sua chegada oficial ao país, em 2012. 

Com isso, são 3,4% de participação entre as marcas de motos e 27,7% de crescimento em comparação com 2015, segundo números da Fenabrave (Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores). Em números mundiais, o aumento foi de 1,2%, com 55.451 unidades entregues. Segundo a Ducati, isso é resultado da atualização das linhas Multistrada, Hypermotard e Diavel e da chegada da Scrambler. 

Os Estados Unidos são atualmente o mercado mais importante da marca, com 8.787 unidades vendidas. Em segundo lugar vem a Itália, onde o crescimento foi de 20%. Na China, que deve melhor sua posição no ranking da marca em pouco tempo, houve 120% de aumento nas vendas. Foi uma boa maneira de fechar o ano em que a marca completou seus 90 anos. 

Leia também:

Fotos: divulgação