Feito foi alcançado pela última vez em 1962 pelo lendário Fusca

A Volkswagen comemora nesta semana o desempenho histórico do Golf no mercado de carros da Suécia. Pela primeira vez desde 1962, a supremacia da Volvo foi quebrada e um modelo sueco não liderou o ranking de vendas do país. Com 5,9% de participação do total, coube ao médio alemão encabeçar a lista dos mais vendidos, repetindo o feito alcançado há meio século pelo lendário Fusca.

Leia também:

"Há 54 anos que outra marca que não fosse Volvo liderava a classificação. A última vez, em 1962, também foi a Volkswagen que liderou as vendas, com o Fusca", comemorou a Volkswagen Suécia em um comunicado. O segundo lugar foi ocupado pelos nativos V70, S90 e V90 (reagrupados em uma só categoria, com cota de 5,7%). Como já dissemos por aqui, os suecos são apaixonados por peruas.

 

Essai Volvo S90 et V90

 

Apesar de não ter um modelo próprio como líder, a Volvo levou a melhor no ranking geral, com 21,5% de participação, à frente da Volkswagen (15,7%) e da Audi (7,3%). No total, foram vendidos no país 372.300 veículos, o que representa alta de 8% sobre os números de 2015.

Fotos: divulgação