Um pequeno aumento na capacidade do porta-malas é esperado para torná-la ainda mais funcional

Depois de apresentar a terceira geração do i30 no mês passado em Paris, a Hyundai está dando os toques finais um sua versão de carroceria mais prática, a perua, ou station wagon, se você preferir. Flagrada com rodas relativamente pequenas em uma pista de pouso na Alemanha, a i30 CW, como ela é conhecida na maioria dos mercados, estava bastante camuflada. Bobagem, já que sabemos que só a traseira será uma surpresa em relação ao hatchback.

Quando se fala em peruas, o grande lance é espaço de porta-malas. E o da i30 CW, que chegou só em sua primeira geração ao Brasil, deve ficar acima dos 528 litros oferecidos pela segunda geração. É uma suposição válida se considerarmos que o hatchback cresceu em 17 litros, indo para 395 litros na terceira geração. Um aumento parecido deve ser registrado na perua, então espere por algo em torno de 540 litros. Podia ser mais...

2017 Hyundai i30 wagon
2017 Hyundai i30 wagon

Ainda que seja suficiente para a maioria das pessoas, algumas rivais oferecem bem mais espaço. Veja o caso da Renault Mégane Sports Tourer, que pode levar 580 litros de tralha, ou na Skoda Octavia Combi, com seus 610 litros. A rainha do segmento, de todo modo, é a Peugeot 308 SW, com 660 litros de porta-malas com os bancos traseiros no lugar.

A não ser pelo porta-malas maior, a nova i30 CW deve ser virtualmente igual ao hatchback. Isso significa que ela terá os mesmos motores, incluindo o novo motor 1.4 turbo a gasolina de 140 cv e 24,7 kgfm. Ele será oferecido ao lado das versões mais tradicionais de motor da Hyundai para a Europa, como o 1.0 turbo de três cilindros, o 1.4 naturalmente aspirado e o frugal 1.6 turbodiesel.

Após o lançamento da perua, a Hyundai vai continuar a ampliar a família i30 com um cupê de quatro portas cheio de estilo. A versão de três portas do hatchback não viverá para chegar à nova geração, provavelmente por falta de demanda.

Fotos: Automedia

2017 Hyundai i30 wagon